Observatório Safira: Informe Meteorológico Extra – Safira Energia

Observatório Safira: Informe Meteorológico Extra

A atualização mais recente do fenômeno El Niño, disponibilizado pela NOAA, mostrou menor aquecimento da temperatura do Pacífico Equatorial desde a última semana, tendendo a ficar mais ameno com relação às projeções anteriores. Ou seja, o padrão de diminuição de chuva no Norte e Nordeste, juntamente com aumento de precipitação no Sul está ocorrendo devido às outras oscilações. A região do Pacífico que impacta mais no regime de chuva do Sul é o que apresentou menor aquecimento, assim a resposta no padrão de chuva deste submercado não deve se alterar muito.
O bloqueio atmosférico observado atualmente no Centro-Sudeste do SIN é decorrente de oscilações de maior frequência, que duram dias. Assim que estas oscilações desidentificarem, o esperado é um padrão de precipitação mais próximo da média histórica deste período, já que o fenômeno El Niño não está atuando. Outro ponto de destaque, é que o bloqueio “empurra” para oeste a umidade que iria da Amazônia ao Sudeste, ou seja, a chuva está acima da média para este período na bacia do Tapajós, submercado Norte, e na Bolívia, que impacta a bacia do Madeira, região Sudeste.
No curto prazo, a chuva está ficando no extremo Sul, na divisa com Uruguai, mas a expectativa é que ela avance e influencie a bacia do Uruguai e Iguaçu, com possibilidades de chegar até a bacia do Paraná e Paranapanema, localizadas no submercado Sudeste. Estas chuvas devem ter intensidade moderada e ocorrem por causa das frentes frias que não conseguem avançar para o Sudeste, onde o bloqueio está atuando. Normalmente, o acumulado para janeiro fica em torno de 150 mm e nestes 10 dias de janeiro já foi registrado mais de 200 mm em algumas áreas do submercado Sul.
 

Safira Energia

Safira Energia

Safira Energia há mais de dez anos. Dentro do universo complexo do Mercado Livre de Energia

Compartilhe